Conserto de Celulares em Florianópolis - Assistência Técnica

Technology and communication. Angry confused woman teenage girl texting on mobile phone, using smartphone reading sms message on blue

Vírus no celular: saiba como resolver e evitar o problema

Nossos smartphones já se transformaram em verdadeiros computadores de bolso, com uma infinidade de recursos e possibilidades. É claro que isso, junto com a popularidade destes aparelhos, colocou esses aparelhos na mira de pessoas mal-intencionadas, que desenvolvem vírus para torná-los lentos, travados ou, na pior das hipóteses, inutilizável.

Android e iOS (o sistema do iPhone e iPad) adotam algumas iniciativas para impedir a infeção dos seus sistemas, com inspecionar os aplicativos que são enviados para as lojas. Como nenhum sistema é totalmente seguro, eventualmente falhas de segurança acontecem. Então, vamos ajudá-lo a identificar se está com vírus no celular e como fazer para resolver este problema. Acompanhe!

Mitos e verdades sobre vírus no celular

Um vírus pode danificar os componentes físicos do celular

É extremamente raro que isso aconteça, embora sim, seja possível. A maioria dos vírus agem para prejudicar o sistema e deixá-lo lento e travado, e também são comuns os vírus com objetivo de obter informações pessoais, como contatos, informações bancárias, entre outras.

É muito fácil pegar um vírus no celular

Infelizmente não se trata de um mito. Qualquer dispositivo conectado à internet pode ser contaminado, e as chances são muito maiores com usuários leigos, que tendem a clicar em links não-confiáveis com maior facilidade, contaminando o aparelho.

O Android é mais inseguro que o iPhone

Mito. O Android recebeu essa fama por ser um sistema mais aberto, que permite a instalação de aplicativos por fora da loja com facilidade, mas o Google possui uma série de mecanismos para torná-lo seguro, verificando todos os aplicativos que são inseridos na loja e até aqueles instalados por fora.

Como um aparelho é infectado e como evitar?

Smartphones são infectados por vírus principalmente através da navegação. Eventualmente, usuários podem ser surpreendidos por páginas e anúncios sugerindo a instalação de algum aplicativo que se passa por inocente, mas não é. Ao clicar no link, fazer o download do aplicativo e instalá-lo, o aparelho estará infectado.

A melhor forma de proteger-se de programas maliciosos, em qualquer sistema, é instalar somente aplicativos da loja oficial. Todos esses aplicativos passam por um crivo de segurança da desenvolvedora do sistema e, embora algum possa passar despercebido pelas camadas de segurança, as chances de ser infectado são muito menores.

Outra dica importante é verificar as permissões que os aplicativos solicitam. Será que aquele editor de fotos precisa realmente ter acesso à sua lista de contatos? Se algum aplicativo requer permissões que não são compatíveis com suas funções, desconfie. Disfarçar aplicativos maliciosos como programas úteis é uma técnica bastante comum.

Descubra se você está com vírus no celular

Se o seu aparelho tem esquentado mais do que o normal nos últimos dias e apresenta muitas lentidões, ele pode estar infectado. Quando o smartphone começa a apresentar anúncios indesejados durante a navegação (inclusive de conteúdo adulto) e o seu navegador se comporta de maneira estranha, levando a sites desconhecidos, também há uma enorme possibilidade de contaminação.

Aplicativos maliciosos também podem cadastrar seu número em serviços de SMS pagos e acabar com o saldo da sua linha ou, ainda, usar suas informações de pagamento para realizar cobranças indevidas. Se você notou algo estranho nas suas faturas, está na hora de buscar uma solução.

Seu aparelho está infectado? Veja como resolver!

A primeira coisa a fazer é instalar um anti-vírus no seu aparelho. No Android, a opção mais conhecida é o Avast, faça a instalação pelo Google Play, abra e toque em “Virus Scanner”. No iOS, use o Avira (download aqui). Se você for um usuário mais experiente, pode verificar sua lista de aplicativos em busca de programas suspeitos e removê-los manualmente.

Se nada resolver, será preciso adotar uma solução mais drástica: dar um reset no aparelho. Em ambos os sistemas o procedimento é semelhante: vá até Configurações (Android) ou Ajustes (iOS), procure a parte de Segurança (Android) ou Geral (iOS) e, então, a opção “Restaurar configurações de fábrica” (Android) ou “Apagar conteúdo e ajustes” (iOS). Esse procedimento apagará todos os seus arquivos e configurações, não deixe de fazer backup.

Gostou das nossas dicas? Então clique aqui e assine nossa newsletter para receber outras dicas quentinhas no seu e-mail!

Compartilhe esse post

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email